Sob pressão do empresariado, o Governo decidiu, mais uma vez, prorrogar o início da obrigatoriedade de adesão ao eSocial. As empresas tributadas pelo lucro real terão de iniciar a transmissão obrigatória de dados via eSocial a partir de outubro de 2014 e as micro e pequenas empresas a partir de janeiro de 2015.

Essa informação foi veiculada em nota divulgada pela Receita Federal do Brasil. É a segunda vez que o prazo para o início do eSocial é prorrogado e as empresas ainda aguardam a publicação de um ato normativo específico ratificando tal adiamento.