No dia 25 de novembro o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) publicou edital para a contratação de serviços técnicos especializados para o processo de privatização da Loteria Instantânea Exclusiva (Lotex). A Lotex, também chamada de “Raspadinha”, é aquela em que os apostadores conhecem imediatamente o resultado de sua aposta sem necessidade de sorteio ou concurso.

De acordo com o edital, serão contratados dois tipos de serviços via licitação (Serviços A e B). O Serviço B corresponde a uma análise do marco regulatório do setor, a elaboração do Plano de Negócios, além da avaliação econômico-financeira da Caixa Instantânea S.A. e da Lotex. Dentro do Serviço B estão incluídos a modelagem da privatização, a assessoria jurídica e outros serviços necessários ao processo de privatização. O Serviço A corresponde a uma segunda avaliação da Caixa Instantânea S.A. e da Lotex com o intuito de garantir que há independência entre a recomendação do preço mínimo de venda das ações e/ou o valor mínimo de outorga elaborada pelo Serviço B.

A licitação será realizada através do pregão eletrônico, com valor global estimado de até R$ 1,5 milhão para o Serviço A e até R$ 6,796 milhões para o Serviço B. A escolha será feita pelo critério de menor preço para os dois serviços juntos. O processo de privatização deve ser concluído até o final de 2017.