A Comissão de Defesa do Consumidor da Câmara dos Deputados aprovou, na última terça-feira (25), o Projeto de Lei nº 1.660/2015, que obriga os serviços de proteção ao crédito a fornecerem, via internet, informações solicitadas por consumidores, imediatamente e sem ônus, nos termos do parecer do relator, Dep. Silvio Costa (PSC-PE). O PL será ainda submetido à análise da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJC).